Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Mostras do projeto “O MIS é nosso” são inauguradas no Museu da Imagem e do Som

O projeto visa ampliar o acesso aos bens culturais do museu na sua pluralidade, através da criação de novos olhares e releituras, contribuindo para o maior uso do espaço museológico pela comunidade
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Fotos da exposição Mulheres: Identidade e resistência, dos artistas visuais Cris Bierrenbach, Cecília Araújo e Mariana Capeletti, com curadoria da professora Déborah Borges e do produtor cultural Wagner Araújo (Foto: Secult)

Em parceria com a WA Imagem e Produção Cultural, o Museu da Imagem e do Som (MIS) inaugura nesta sexta-feira (05/08), às 19 horas, as exposições “Luiz Pucci: É favor me olhar com cuidado” e “Mulheres: Identidade e resistência”. As mostras estão dentro do projeto “O MIS é nosso”, uma ocupação cultural com o objetivo de democratizar a arte fotográfica.

Através dos recursos audiovisuais vai fomentar o acesso e a difusão de seu acervo. A ideia é gerar reflexões sobre a produção artística fotográfica goiana e brasileira, por meio de exposições, vivências fotográficas, oficinas, rodas de conversa e visitas mediadas de forma online e presenciais.

A ocupação “ O MIS é nosso” visa ampliar o acesso aos bens culturais do museu na sua pluralidade, através da criação de novos olhares e releituras, contribuindo para o maior uso do espaço museológico pela comunidade.

A exposição “Luiz Pucci: É favor me olhar com cuidado”, com fotografias do acervo MIS, tem curadoria de Samuel de Jesus, coordenador do Programa de Pós-Graduação em Arte e Cultura Visual da Universidade Federal de Goiás (UFG).

(Foto: Secult)

Já a exposição “Mulheres: Identidade e resistência”, traz leitura dos artistas visuais Cris Bierrenbach, Cecília Araújo e Mariana Capeletti, que pesquisam temas voltados às questões da imagem da mulher na sociedade brasileira, através da linguagem fotográfica. A curadoria é da professora Déborah Borges e do produtor cultural Wagner Araújo.

Além das exposições, será realizado o lançamento de documentário sobre os fotógrafos lambe-lambe de Goiânia, juntamente com um catálogo a respeito do tema. Ambos são resultados da pesquisa coordenada por Ana Rita Vidica, professora da Faculdade de Informação e Comunicação da UFG. O projeto foi contemplado pelo edital de ocupação de museus e galerias de arte do Fundo de Arte e Cultura do Estado de Goiás, edição 02/2017, e é realizado pela WA Imagem Fotografia e Produção Cultural.

Serviço

Exposições “Luiz Pucci: É favor me olhar com cuidado” e “Mulher: Identidade e resistência”
Quando: Sexta-feira (05/08), às 19h/ Visitação: 08/08 a 30/09, de segunda a sexta-feira, das 09h às 17h
Onde: Museu da Imagem e do Som de Goiás, Salas Belkiss Spenzieri e Alois Feichtenberger – Praça Cívica, nº2, Centro Cultural Marietta Telles Machado, Centro, Goiânia (GO).
Agendamentos: (62) 3201-4625 | mis.cultura@goias.gov.br