Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Área de serviço com uma “nova cara”, é a proposta do arquiteto Leo Romano

O arquiteto incentiva o uso de hobbys para a decoração do espaço domiciliar que, por muitas vezes, é escondido
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Área de serviço
Arquiteto Leo Romano incluiu um ateliê junto à área de serviço do decorado do Opus Selena –
(Foto: Augusto Miranda)

A área de serviço de um domicílio é considerada por muitas pessoas o local hediondo do imóvel e preferem deixar o espaço escondido. Em muitos casos, inclusive, a área acumula função de dispensa ou de um local de despejo, onde se coloca todos os pertences que não se enquadra nos demais ambientes. Contudo, essa desorganização nessa parte do apartamento também costuma incomodar.

Algumas propostas arquitetônicos estão surgindo para dar uma nova, e mais agradável, cara às áreas de serviço de um imóvel. Em Goiânia, o renomado arquiteto Leo Romano é o responsável pelo decorado do Selena by Opus, e inovou no projeto. “Nós imaginamos um ateliê de ceramista. Fizemos umas bancadas e temos uma exposição, como se fosse um ateliê de criação de uma artista plástica”, relata ele.

A ideia é para mostrar aos visitantes do local que a área de serviço, também, pode ter uma utilidade a mais para seus futuros moradores. “Como a área de serviço do Selena é generosa, grande em tamanho, nós pensamos em agregar junto a ela um hobby do dono da casa. O que a gente imagina é que cada um, quando olhar esse espaço, pode se inspirar para saber que naquele lugar pode desenvolver algo, com a personalidade dele”, explica Léo Romano.

O arquiteto cita, como exemplo, que uma pessoa adepta aos esportes radicais poderia colocar no local bicicleta, skate, patins e outros equipamentos para esse hobby. “É uma ideia aberta e é para incentivar as pessoas a saber que naquele espaço da área de serviço elas podem agregar outra função que não seja apenas de lavanderia e passanderia”, ressalta.

Grandes metragens

Selena by Opus terá 35 apartamentos, sendo um por andar, com metragens que variam entre 356 m² e 463 m² , duas penthouses com piscinas e, ainda, uma cobertura duplex 730 m². O empreendimento ficará de frente para a Praça do Sol, no Setor Oeste. O design de sua fachada sinuosa, com varandas desenhadas uma a uma, segue na linha de arquitetura orgânica do Sunna by Opus, que será erguido ao lado, e possui duas unidades por pavimento.

Com uma área de lazer completa, o lançamento terá academia com 137 m², piscina adulto e infantil com deck, praça de convivência, salão de festa de 95 m² com varanda integrada, espaço gourmet, brinquedoteca, playground e quadra. Além disso, o Selena terá uma vaga de garagem por unidade com infraestrutura para carga de veículos elétricos, acesso por porte-cochère, iluminação automatizada nas áreas comuns com sensores de presença e irrigação automatizada por gotejamento no paisagismo.