Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Pousada em Pirenópolis resgata tradição e homenageia Cavalhadas

Hóspedes puderam viver a tradição que acontece na cidade há mais de 200 anos
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
(Divulgação)

No último domingo (24), a Villaê Pousada preparou uma homenagem às Cavalhadas de Pirenópolis, com a presença de representantes populares das manifestações culturais que compõem a Festa do Divino. Após o café da manhã, hóspedes puderam vivenciar parte das tradições pirenopolinas.

Com verônicas, mascarado, cavaleiro mirim e o estandarte do Divino Espírito Santo, os hóspedes receberam pequenos doces feitos de puro açúcar que são modelados com os símbolos do Divino (pomba, Nossa Senhora, coroa), conversaram, ouviram as histórias que passam de geração em geração e tiraram fotos.

A troca de experiências pôde matar um pouco a saudade do segundo ano consecutivo sem a festa regional, em decorrência da pandemia de Covid-19.

Cavalhadas de Pirenópolis

As Cavalhadas de Pirenópolis é o encerramento da última parte da Festa do Divino Espírito Santo no município, já conhecida nacionalmente, e que acontecem há mais de 200 anos, de forma ininterrupta, mas em razão da pandemia, foram canceladas pela segunda vez na história.

A festa, de cunho religioso, foi inserida no Brasil pelos jesuítas portugueses e representa as lutas medievais entre cristãos e mouros, que se tornaram um símbolo da resistência e avanços da religião cristã na conquista por terras e novos fiéis. Em Pirenópolis, seu primeiro registro é de 1819, trazida pelo Coronel Joaquim da Costa Teixeira, consagrado como primeiro Imperador do Divino. O papel do Imperador é organizar e promover as cerimônias que são preparadas durante 1 ano.

A Villaê Pousada, com o intuito de valorizar a cultura da cidade, fez uma homenagem a essa festa, que marca a vida dos que participam e assistem.