Ton Só e a Parafernália

Ton Só se apresenta no próximo dia 2, acompanhado de uma Parafernália instrumental

Neste sábado, dia 2 de outubro, o Teatro do Goiânia Ouro será preenchido com mais uma apresentação do músico Ton Só, que da última que pisou nesse mesmo palco, em Janeiro desse ano, tocou e cantou juntamente com José Teles, Grace Venturini, Beto Cupertino e Valéria Costa, no Goiânia Canto de Ouro.

De volta ao Centro Cultural, Ton Só mostrará ao público um show completamente diferente. “Intimista à primeira vista: uma escalada rumo ao progressivo, valorizando a claridade da mensagem”, ou ainda: “Uma leitura do mundo atual, mazelas e felicidades pessoais traduzidas em som e letra”, é assim que o músico define seu novo trabalho.

Para esse show que recebeu o título de Ton Só e a Parafernália, o músico convidou para dividir o palco seus amigos: Samuel Peregrino, Paulo Ribeiro (bateria), Samuel Viveiro (violino) e ainda Javan Maranha (guitarra). Companheiros musicais de datas, projetos e épocas distintas, mais detalhes sobre essa parceria o músico explica na entrevista que segue:

Como você começou a se relacionar com a música?

Bem, foi bem cedo, cantando junto em rodas de violão e percussão em volta da fogueira. Desde os 4 anos de idade acompanho esse tipo de celebração.

De fato, comecei a tocar violão aos 19 anos, momento que me interessei pelo instrumento, ahh… antes do violão, tocava percussão, pandeiro, atabaque, cajón, berimbau, conga, bongo… Mas, qunado peguei o violão do meu pai emprestado, nunca mais devolvi.

Musicalmente falando, o que você está fazendo por agora?

Estamos acabando a produção do meu primeiro CD, que deverá ser lançado no início de 2011.

Ton Só, você utiliza a internet para divulgar sua música? Como é sua relação com a Internet? Ela te ajuda ou atrapalha?

Utilizo sim, tenho uma página no palcomp3 (http://palcomp3.com/tonso/), com gravações antigas que não estou utilizando mais. E a internet, sem dúvidas, me ajuda. Após o lançamento do disco em 2011, colocarei todas as músicas no myspace. Estou com um site pronto, nesse site, colocaremos músicas e notícias gerais.

Qual a diferença desse show: Ton Só e a Parafernália, para os outros que você já apresentou?

A diferença é o feeling que a banda trás. A Parafernália é um grupo de amigos, que compraram a idéia de tocar minhas composições, essa é toda a diferença entre esse show e shows que fiz sozinho ou com uma banda contratada, como aconteceu, por exemplo, no Goiânia Canto de Ouro.

Por que convidar: Samuel Peregrino, Paulo Ribeiro, Samuel Viveiro e Javan Maranha para esse show? Quando surgiu essa parceria?

Samuel Peregrino e Paulo Ribeiro são os parceiros que “abraçaram a causa” de pronto. Samuel Viveiro e Javan Maranha são uma experiência para esse show e, estamos pensando em convidar os dois para a Família Parafernalia… Já Samuel Peregrino, é parceiro desde o selo Maquinária (movimento lançado na cena goiana em 2006). Paulo Ribeiro é outro grande amigo desde a época do selo, que se juntou a banda agora em 2010. Finalmente, Viveiro e Maranha eu conheci essa semana… (risos) e já tive o privilégio de tocar com eles, penso que vai dar uma liga boa.

Tem algum projeto para o futuro próximo?

O site, que já tem endereço registrado, e completando o que disse, será lançado em novembro deste ano: www.ton.mus.br

Finalizando esse breve bate-papo, você pode explicar como é seu processo criativo? Como compõe suas músicas?

Meu processo de criação é sempre acidental, já compus dentro de ônibus lotado, na época da faculdade. Já fiz música andando na rua, no banheiro… não tem uma regra. A canção vem, e o que tenho q fazer é coloca-la no papel. Depois tiro alguns acordes no violão e vejo se prestou, assim vou aumentando minha lista.

Serviço:Show Ton Só e a ParafernáliaDia: 2 de outubro (sábado)Horário: 20h30minLocal: Goiânia Ouro – TeatroLocal: Goiânia Ouro – TeatroEndereço: Rua 3 esquina com Rua 9, centroIngressos: R$ 10,00 (inteira) e R$ 5,00 (meia)

Deixe um comentário


Confira também