Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Kamura, um ataque de metal no cerrado brasileiro

Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Kamura participará de shows da Tour Sul-Americana da banda Brujeria (EUA), que passa pelo Brasil, Argentina e Chile.
Criada no início de 2011, o Kamura é uma banda de metal forjada nas terras quentes do cerrado brasileiro. O 1° show rolou na nona edição do renomado festival Tatoo Rock Fest, em julho de 2011 e, a partir daí, o Kamura começou uma trajetória impressionante e até então impensada para uma nova banda de Goiânia.
Com poucos meses de estrada, tocou nos maiores festivais da cidade como Bananada , Vaca Amarela, Woodstock Rock Fest, Goiânia Noise, Kuka Moto Rock , Pré-Nata Fest, Tatoo Rock Fest, além de alguns shows fora do estado.
Iniciando o ano sem diminuir o ritmo, o Kamura foi convidado para abrir o esperado show do Soufly, banda de Max Cavalera , ex-sepultura e ícone do metal mundial. Um evento histórico que marca o dia 24 de fevereiro no Sol Music Hall, em Goiânia. O evento terá ainda a participação da banda Claustrofobia, considerada uma das principais forças do metal brasileiro.
O Kamura também participará de shows da Tour Sul-Americana da banda Brujeria (EUA), que passa pelo Brasil, Argentina e Chile. A única pausa da banda será para gravar seu primeiro disco, em maio.
A banda é formada por figuras já conhecidas dos palcos goianienses, como o baixista Marlos Hiroshy (Japão), ex-integrante das bandas HC137, Mechanics e Motherfish; Pedro Henrique, baterista da banda Mechanics e ex-integrante do Necropsy e Space Monkeys; o guitarrista Fredox Carvalho, também ex-Space Monkeys; e o vocalista Ikaro Stafford, ex-vocal da lendária banda goiana Punch e da Norte-Americana Ankla, com a qual tocou por quase 8 anos e vendeu mais de 65 mil cópias nos EUA e Europa.
Ikaro também participou de um dos maiores festivais do mundo, o Ozzfest, onde tocou com bandas como Ozzy Osbourne, Lamb of God, Hatebreed, Static-X, Nille, Behemoth, Daath e outras.