Giro 8 Cia. de Dança apresenta nova coreografia no Teatro Sesi

  • Giro 8 (Foto: Divulgação)
Mais nova criação do Núcleo Energia de Dança, a Giro 8 Cia. de Dança reapresenta a coreografia Retrato em Branco e Preto, que marcou sua estreia em 2011, no Teatro Sesi do Centro Cultural Paulo Afonso Ferreira, no dia 5 de maio (sábado), às 21 horas. Dirigida por Maria Inês Castro e Joisy Amorim, a companhia tem como objetivo dar continuidade ao trabalho realizado pelo Grupo Energia, um dos mais conceituados de Goiânia, criado há quase 30 anos.
Segundo Maria Inês Castro, Retrato em Branco e Preto surgiu da necessidade de descobrir novos meios de expressar a vida contemporânea nos grandes centros urbanos. O espetáculo foi concebido no vasto território das relações humanas, com a pretensão de mostrar um pouco da angústia vivida nos últimos tempos. A coreografia divide-se em três momentos.
No primeiro momento, Corpos Urbanos procura retratar a vida intensa, individualista e agitada dos grandes centros urbanos, onde o modo de vida capitalista faz prosperar o individualismo. O segundo, Matrimônio destaca a necessidade da aproximação com o outro, mesmo quando não se quer admitir. “Nada mais incongruente, em nossa realidade, que a união de duas pessoas, em um tempo cujo discurso é de independência e auto-afirmação”, salienta a diretora.
Desencontro, terceiro momento, revela a vida que é regida por encontros e desencontros, e ao pior dos medos: a perda. Trata-se de um momento de reflexão sobre a dor, a solidão e a insegurança. “ Longe do desgosto e do desânimo, o final do espetáculo mostra a retomada da vida com liberdade e com a certeza de que somos finitos. Mas já que estamos vivos, a melhor alternativa é viver a vida, que não se resume em retratos em preto e branco”, completa Maria Inês.
O Grupo Energia de Dança foi criado em 1983. A coreografia Dia e Noite marcou a estreia do grupo que queria contribuir com uma nova linguagem que representasse a dança contemporânea de Goiás. O Energia apresentou-se em diversas cidades e revelou bailarinos. Sob a direção de Maria Inês Castro, o grupo teve importantes trabalhos assinados pelos coreógrafos Tarcísio Clímaco e Julson Henrique, um dos precursores da dança contemporânea no Estado. Ao longo dos seus 28 anos de existência, o Energia conquistou importantes premiações no cenário da dança nacional .
Serviço
Espetáculo:
Retrato em Preto e Branco
Elenco: Giro 8 Cia. de Dança
Direção: Maria Inês de Castro e Joisy Amorim
Dia: 5 de maio (sábado)
Horário: 20 horas
Ingressos: R$ 15 (antecipado)

Deixe um comentário


Confira também