Exposição de Bia Doria no Centro Cultural Oscar Niemeyer

  • Escultura em pó de mármore, da série “Bailarinas da natureza” (Foto: Divulgação)
Nessa segunda-feira (21/09), é realizada a abertura da exposição individual da artista plástica Bia Doria, “Redesenhando a natureza – esculturas e relevos”, no Museu de Arte Contemporânea de Goiás, no Centro Cultural Oscar Niemeyer. A exposição fica em cartaz de 22 de setembro a 8 de novembro e conta com 35 obras, além de trazer a série “Bailarinas da natureza” e uma instalação que mostra a agressão das queimadas.
Natural de Santa Catarina, Bia Doria é uma representante da arte contemporânea sustentável. A artista cria partindo do pressuposto de que todo e qualquer objeto pode ser aproveitado e não desprezado. Resultando e obras que apresentam um teor sensível do resgate ao meio ambiente.
Bia já expôs em importantes centros de arte nacionais e internacionais como The Grand Modern e Gary Nader Fine Art, em Miami, Salon des Artistes Indépendants, em Paris, e o MUBE – Museu Brasileiro da Escultura, além de exposições na Alemanha, Coreia do Sul e São Paulo.
Anote!
Abertura da exposição “Redesenhando a natureza – esculturas e relevos”
Data: 21 de Setembro
Local: Museu de Arte Contemporânea de Goiás – Av. Deputado Jamel Cecílio, 4490, Setor Fazenda Gameleira.
  • Bia Doria tem na natureza a matéria-prima e o motivo de seu trabalho. Suas obras são feitas a partir de resíduos de floresta de manejo, produtos sustentáveis e árvores nativas resgatadas em queimadas, desmatamentos, fundo de rios, barragens, entre outros. (Foto: Divulgação )

Deixe um comentário


Confira também