Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Atividade intelectual: após os 60 anos cérebro começa a funcionar com mais facilidade

A explicação científica vem de uma substância chamada mielina, cuja quantidade aumenta com o tempo de vida
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
(Foto: Divulgação)

Você sabia que as pessoas entram no período de pico da atividade intelectual humana por volta dos 70 anos? Uma pesquisa da George Washington School of Medicine and Health Sciences (Faculdade de Medicina e Ciências da Saúde da Universidade de Washington) apontou que o cérebro começa a funcionar com força total na velhice.

A explicação científica vem de uma substância chamada mielina, cuja quantidade aumenta com o tempo, e facilita a passagem rápida de sinais entre os neurônios, aumentando em 300% as habilidades intelectuais.

De acordo com a assistente social e gerontóloga do Sesc Goiás, Geruza Alves Rodrigues, o envelhecimento significa oportunidade de se redescobrir e despertar para novos horizontes. “Quando a gente chega aos 60 anos, logo vem o pensamento: a minha vida parou? A resposta com certeza é não. A vida começa a propor novos desafios e projetos nos 60 mais”, explica.

A pesquisa também revela que com a idade, o cérebro perde a rapidez que tinha na juventude, porém ganha flexibilidade e oferece maior probabilidade de as pessoas tomarem decisões certas e assim ficam menos expostas às emoções negativas. Além disso, ao atingir os 60 anos, as pessoas conseguem usar os dois hemisférios cerebrais ao mesmo tempo, o que permite a resolução de problemas muito mais complexos.

“A velhice é o momento de usar a criatividade, o potencial e a aprendizado para buscar novos conhecimentos. Essa é uma boa hora, por exemplo, para começar um novo estudo, aprender a tocar um instrumento e porque não empreender nos negócios?”, ressalta Geruza.

Contudo a gerontóloga destaca que para envelhecer ativo é preciso estar atento à saúde física e mental. “Se você quer envelhecer saudável, você precisa se cuidar. Para isso é fundamental praticar atividades físicas, ter uma alimentação balanceada, exercitar o cérebro, ter momentos de lazer e cuidar da mente”, destaca.