Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Jovens viajantes mudam suas rotinas e compartilham a vida a bordo de motorhome

Tendência de transformar um veículo adaptado em casa para viagens pelo Brasil e o mundo ganha força na pandemia no app de vídeos curtos
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Fotos: Divulgação

Uma tendência vem despontando entre os brasileiros desde o início da pandemia, principalmente entre os jovens casais: a vida em um motorhome. É a materialização do sonho de trocar uma rotina comum em grandes cidades para viver a experiência de desbravar novos horizontes sobre rodas. Em lugar do home office emerge o termo road office. Mas mesmo com o pé na estrada, os jovens autodenominados “nômades digitais” encontram uma maneira de empreender – e se manter – vendendo produtos e cursos, além de documentar o seu cotidiano de maneira leve e divertida por meio das plataformas digitais. Afinal, o lema dessa geração, que já nasceu conectada, é: “meu destino é onde o wi-fi está”. 

E exemplos do crescimento desta tendência podem ser vistos em diversos conteúdos publicados por esses jovens casais no Kwai, app de criação e compartilhamento de vídeos curtos, que tem se destacado por dar voz a esse perfil. Criadores de conteúdo vêm angariando um número crescente de seguidores e fãs na plataforma, que passam os dias curtindo as dicas para se aventurar pelo Brasil e mundo afora, e que buscam entretenimento de qualidade e inspiração para o seu dia a dia.

Traveleiros – Laís Sousa e Renan Jereissati

O projeto Traveleiros surgiu por meio do sonho comum de Laís e Renan de compartilhar a vida na estrada e desbravar diferentes destinos para prática de esportes outdoor, conhecer 100 países e passar pelos cinco continentes. Para que a ideia se tornasse realidade, o casal economizou e investiu grande parte do salário reunido nos últimos cinco anos buscando garantir a segurança e o conforto durante essa “viagem em tempo integral”, como preferem chamar.

A primeira etapa desta road trip começou em meados de 2020, percorrendo todos os estados brasileiros a bordo de um furgão Mercedes Sprinter 1999 que foi adaptado para um motorhome de forma artesanal. O veículo de 6m² abriga sala, quarto, cozinha, banheiro e depósito para guardar os equipamentos dos esportes variados que os dois praticam: mergulho, surfe, stand up paddle, escalada, trekking, ciclismo e acroyoga (combinação de ioga e acrobacias). 

“A finalidade do Traveleiros é levar esse estilo de vida cada vez mais longe e incentivar mais pessoas a viajarem e praticarem esportes outdoor”, revela Renan. Para Laís, a chave do sucesso do projeto é entender o que o público quer saber e assistir: “Produzimos conteúdo para os nossos seguidores – não para nós. Nossa principal rede social hoje é o Kwai, onde conseguimos mais de 1,7 milhão de seguidores em apenas dois meses neste ano, e somos o maior perfil de viagem na plataforma.”

Rotas Recalculadas – Wellington Waltrick e Carina Amâncio

Quem também optou pela liberdade de reunir o essencial e cair na estrada dentro de um motorhome foi o casal da serra catarinense, Wellington Waltrick e Carina Amâncio, que decidiu, literalmente, recalcular a rota da vida em comum em busca de novas paisagens. A dupla disse adeus ao cotidiano pacato e se mudou para a “Van Bulância”, como apelidou seu atual veículo de transporte, abraçando um novo estilo de vida com uma residência móvel, sem endereço fixo e sem previsão de volta.

Sob o nome “Rotas Recalculadas” o projeto tem crescido a cada dia. O casal já visitou belas paisagens em Santa Catarina e no Rio Grande do Sul, seguindo um roteiro que iniciou pelo litoral do Brasil. O plano é passar pelo centro-oeste e seguir em direção ao nordeste do país. A grande meta da viagem é ir do Ushuaia ao Alaska, quando as fronteiras se abrirem, passando por Uruguai e Chile, por exemplo.

O casal também tem se destacado recentemente como criadores de conteúdo, e viram crescer sua popularidade no Kwai, onde conquistaram mais de 48 mil seguidores em apenas um mês, sendo hoje um dos perfis mais relevantes de viagem na plataforma. “Os vídeos curtos são uma grande tendência que o público vem criando e vão se tornar cada vez mais relevantes entre os usuários brasileiros”, prevê Wellington.

Get Outside BR – Alessandro da Cruz e Duda Cardoso

Alessandro da Cruz e Duda Cardoso formam um casal de advogados de São Paulo que trabalhava em grandes escritórios e resolveu abandonar tudo para ter uma vida sem amarras. Resultado: desde o início do ano passado eles se deslocam pela América do Sul a bordo de um motorhome de fabricação caseira.

“Não estávamos satisfeitos com o mundo corporativo e, ao mesmo tempo, percebemos o quanto desejávamos dar um sentido diferente para nossas existências”, conta Duda. O casal, então, estruturou o nomadismo digital como um negócio, criando o Get Outside BR. “Abrimos uma empresa e buscamos clientes e parceiros que pudessem se juntar a nós nesse grande projeto e tornar tudo isso viável”, explica Ale.

O casal também viu sua vida se transformar ao virarem criadores de conteúdo no Kwai. Hoje, já contabiliza mais de 54 mil seguidores e é um dos perfis de viagem com mais destaque na plataforma. “O Kwai oferece um formato descomplicado e dinâmico, além de entregar nosso conteúdo para um número maior de pessoas. Nos vídeos curtos, mostramos nossa vida real, recheada de conquistas, mas também de perrengues, o que tem aproximado as pessoas a se identificarem com nosso estilo de vida”, comemora Duda.