Sobrancelha boyish

  • Maria Casadevall, a Patrícia de Amor à Vida

Não é de agora que diversas grifes internacionais e nacionais tem apostado em uma beleza mais natural, o que inclui uma pele bem preparada e pouca maquiagem. Mas o que mais chama a atenção nesta tendência são as sobrancelhas, chamadas de boyish. O nome foi criado pois elas tem referências as sobrancelhas masculinas, normalmente, mais naturais e marcantes do que as femininas.

Esta sobrancelha também foi usada nos anos cinquenta, quando as mulheres passaram a utilizar lápis para completar o desenho, e posteriormente, nos anos oitenta, quando a moda eram as sobrancelhas grossas e bem delineadas combinadas com os cabelos volumosos da época.

Para apostar na tendência basta seguir o desenho natural dos pelos, retirando apenas o excesso. Àquelas que não possuem o desenho bem marcado, existem muitas opções para corrigir falhas ou preenchê-las. A primeira dica é utilizar um lápis específico para sobrancelha, a Koloss Cosméticos possui uma versão em cor universal, que pode ser usado por diferentes tons de cabelo.

Também é possível preenchê-la com uma sombra fosca da mesma cor do pelo. Outra opção mais caseira é utilizar um lápis grafite para desenho, eles possuem a ponta mais macia e o traço mais forte, e pode ser usado por todas as colorações de cabelo. Para aquelas que buscam uma alternativa mais definitiva também existem processos de pigmentação e coloração.

Entre as principais adeptas do momento estão Maria Casadevall, a Patrícia de Amor à Vida, Grazi Massafera, as modelos Fernanda Tavares e a adorada pelos estilistas internacionais, Cara Delevingne.

Deixe um comentário


Confira também