Goiano de 9 anos com câncer precisa de R$ 2 milhões para tratamento no EUA

Os médicos sugeriram início de tratamento alternativo imediato no Estados Unidos após diagnótico de Linfoma de Burkitt

O goiano Jean Lucas Paes Lemes, de 9 anos, luta contra um câncer considerado agressivo, conhecido como Linfoma de Burkitt. Após cinco ciclos de quimioterapia e mais duas sessões de quimioterapia de resgate, os médicos perceberam que o tumor não seria destruído.

Goiano de 9 anos com câncer
Jean Lucas Paes Lemes, de 9 anos, luta contra um câncer considerado agressivo (Foto: Divulgação)

Os profissionais da saúde concluíram que a criança precisa realizar um tratamento no exterior, chamado Car-T Cell. O pai da criança, Silvio Eurico Paes Lemes Júnior, estima que, para isso, serão necessários R$ 2 milhões. Após essa estimativa, a mãe, Dayanne Jubé Cardoso, criou uma vaquinha com o objetivo de arrecadar o dinheiro.

Como foi descoberto

No dia 21 de março de 2022, Jean acordou passando mal com dores abdominais e vômito. Os pais então o levaram a uma pediatra, em Goiânia, e quando a médica sentiu algo diferente na região sugeriu que ele fosse internado. O menino passou por três tomografias, exames de sangue e uma ressonância durante a internação. E, após dois dias, o resultado foi de que Jean estava com um tumor.

O hospital solicitou de forma urgente que uma biópsia fosse feita, e mesmo com os resultados, os médicos não conseguiram encontrar um diagnóstico do tipo de câncer que estava presente. Foi então que a família decidiu levá-lo para a cidade de Barretos na unidade que é referência em tratamento oncológico no Brasil. Jean chegou ao hospital no dia 28 de março e passou por uma cirurgia para desobstrução do intestino, no mesmo dia. Com dor, não conseguia se alimentar, nem evacuar. No total, mais de três litros de fezes foram removidos e foi então inserida uma bolsa de ileostomia, além de um dreno e um cateter.

Após uma nova biópsia, o resultado foi que Jean tem um câncer classificado como Linfoma de Burkitt, que está ligado a três órgãos vitais: intestino, baço e bexiga. Os pais explicam que é agressivo e de crescimento rápido. Além disso, está no estágio três, considerado avançado. A quimioterapia começou imediatamente.

Como ajudar?

A vaquinha está disponível na internet, para acessar clique aqui

Doações no pix da mãe, Dayanne Jubé Cardoso: 01816702161 (CPF).

Para mais informações: @amigosdojeanlucas

Deixe um comentário


Confira também