Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

A primeira edição da Copa Construindo Campeões e contará com a atuação de 1.500 atletas

Projeto Construindo Campeões oferece aulas gratuitas de karatê, jiu-jitsu, taekwondo e judô a 6.500 alunos de 50 municípios goianos
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
(Foto: Mantovani Fernandes)
(Foto: Mantovani Fernandes)

Será realizado nos dias 11 e 12 de junho, no Ginásio Rio Vermelho, em Goiânia, a primeira edição da Copa Construindo Campeões. Promovida pelo Governo de Goiás, por meio da Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Seel), o qual fruirá apenas atletas do projeto, terá disputas de karatê e contará com a participação de 1.500 atletas.

Crianças e adolescentes matriculados na rede pública de ensino e adultos de baixa renda são o público-alvo da recepção do Construindo Campeões. Atualmente, mais de 6.500 alunos, de 50 municípios goianos, são recebidos para o oferecimento de aulas gratuitas em diversas modalidades esportivas como karatê, jiu-jitsu, taekwondo e judô.

O gerente de Incentivo às Práticas Saudáveis da Seel, Mário Kanashiro descreve o apoio do Governo de Goiás ao projeto. “Os alunos recebem material de qualidade, como kimonos e luvas, têm transporte fornecido pela secretaria e inscrições de eventos nacionais pagas também. A primeira Copa do projeto é apenas de alunos do karatê, mas as próximas edições serão voltadas para outras modalidades, como o taekwondo e jiu-jitsu”, revelou.

Segundo a Seel, para a realização da 1ª Copa serão disponibilizados transporte, alimentação e hospedagem aos participantes, que já contam com kimonos e luvas fornecidos pela mesma, além de um curso de capacitação/reciclagem para os professores do projeto. A competição está programada para ser iniciada no sábado (11), a partir das 8h30, com as crianças acima de 3 anos. Ao todo, 21 municípios estarão representados pelos mais de 1.500 alunos inscritos.

O secretário de Estado de Esporte e Lazer, Henderson de Paula Rodrigues realça a importância do projeto e valoriza a realização inédita da competição. “Temos muito orgulho do nosso projeto, que consegue transformar vidas por meio do esporte. A realização da Copa serve como uma forma de integração entre centenas de alunos e professores e, tenho certeza, será apenas a primeira de muitas edições”, intencionou.

Fonte: Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Seel)