Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Sebrae Goiás vai mapear ecossistema goiano de inovação

Instituição venceu processo seletivo organizado pela Unesco a pedido do Governo de Goiás, por meio da Sedi. Assinatura do convênio ocorreu durante a Campus Party Digital Goiás
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

O Sebrae Goiás será responsável por mapear pontos fortes e fracos, e fraquezas e oportunidades na atração ou fomento do ecossistema de inovação de Goiás. A instituição venceu processo seletivo organizado pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco), a partir de um projeto de cooperação técnica (Prodoc) com o Governo de Goiás, por meio da Secretaria de Desenvolvimento e Inovação (Sedi).

A assinatura do convênio foi realizada pelo superintendente do Sebrae Goiás, Antônio Carlos de Lima Neto, e pelo secretário de Desenvolvimento e Inovação, Marcio Cesar Pereira, nesta sexta-feira (23), às 16h30, durante a Campus Party Digital, no Palco Goiás, no Passeio das Águas Shopping.

De acordo com o Prodoc, a consultoria do Sebrae Goiás deverá formular e implementar um planejamento estratégico por meio do mapeamento do ecossistema de inovação de Goiás, seus agentes, níveis de relacionamento, personas, dores, ganhos, jornadas e oportunidades. O objetivo é que, com esses dados em mãos, a Sedi possa desenvolver projetos com foco no fomento à consolidação de um ecossistema unido e produtivo.

“Esperamos receber, desta consultoria especializada, um documento técnico com análise, identificação, correlações e proposta de formatos de conexão entre os atores do ecossistema de inovação tecnológica de Goiás, considerando as regiões de planejamento identificadas pelo Instituto Mauro Borges (IMB), além de uma comparação com outros ecossistemas nacionais e internacionais. Esta consultoria deve envolver todas as iniciativas de apoio à empreendimentos inovadores de Goiás e garantir que as pessoas convidadas se mantenham envolvidas no processo”, afirma o secretário Marcio Cesar Pereira.

Lidiane Abreu, superintendente de Inovação Tecnológica da Sedi, explica que o mapeamento fortalecerá o ecossistema de inovação de Goiás, sendo um caminho para modernizar o setor produtivo. “Por meio da capacitação profissional, especialmente nas atividades voltadas para a agroindústria, vamos conseguir posicionar o Estado entre uma das economias mais produtivas do país”, emenda.

O superintendente Antônio Carlos de Lima Neto lembrou que o Sebrae Goiás é parceiro do Governo de Goiás há anos, e que se tornou mais forte nos últimos meses. “Com a consultoria, estaremos ainda mais próximos. Temos a certeza de que, quando a gente fala de tecnologia, o Estado de Goiás continuará cada vez mais evidente no cenário nacional.”

Antônio Carlos de Lima (Sebrae Goiás) e Marcio Cesar Pereira (Sedi) assinam convênio durante painel na Campus Party Digital Goiás (Divulgação)