Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Fundador do Empada do Alberto em Goiânia, Seu Alberto, morre aos 81 anos

Seu Alberto não resistiu às complicações de uma pneumonia e o velório aconteceu nessa segunda-feira
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Seu Alberto, da Empada do Alberto, recebe homenagem na Câmara Municipal de Goiânia, Goiás — Foto: Reprodução/Instagram
Seu Alberto, da Empada do Alberto, recebe homenagem na Câmara Municipal de Goiânia, Goiás — (Foto: Instagram)

Alberto Cavalcante de Souza, bem conhecido como “Seu Alberto”, faleceu no domingo (5) aos 81 anos em Goiânia. Internado desde o fim de maio não resistiu a uma infecção pulmonar. Seu velório foi as 11h dessa segunda-feira (6) e o enterro começou às 14h, no Cemitério Parque Memorial.

A lanchonete especializada em empadas foi fundada em 1947, no Mercado Central. Em 75 anos de tradição, diversos famosos saborearam no estabelecimento. Fernanda Montenegro, o escritor Jorge Amado e o jogador Ronaldo Nazário já passaram pela lanchonete.

Homenagens

Nas redes sociais, Amâncio Cavalcante, filho do Sr. Alberto lamentou. “Hoje Goiânia perde uma pessoa que amou essa cidade, que viveu a história dela junto com os seus personagens principais. Foram 75 anos de vivência no Mercado Central, alguns debaixo do balcão e na grande maioria servindo. Estou falando de: Alberto Cavalcante de Sousa, um pai esposo e avó maravilhoso a quem tenho muito orgulho e que levarei comigo por toda a vida. Descanse em paz junto aos seus e que Deus lhe acompanhe por toda a eternidade”, escreveu no perfil da Empada do Alberto no Instagram.

O prefeito Rogério Cruz também lastimou o falecimento do empresário. “Seu Alberto era um regionalista nato. Amava a terra onde vivia e colaborou para o seu florescer. Foram 75 anos dedicados ao trabalho, sempre com sorrisos, simpatia e boas histórias […] Que Deus o receba e console os que aqui sofrem com sua morte.”, disse.