Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Decreto flexibiliza shows na Capital

Eventos deverão ser autorizados pela Secretaria Municipal da Saúde. Mudanças também incluem academias, bares e cinemas
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Decreto
Além de shows, o Executivo ampliou a quantidade de público em academias, bares, cinemas, circos, clubes recreativos, celebrações religiosas e competições esportivas, restaurantes e shoppings centers (Antoine Julien/Unsplash)

Decreto publicado nesta terça-feira (20) no Diário Oficial do Município da Prefeitura de Goiânia, liberou a realização de shows na capital. Todos os estabelecimentos devem ser autorizados antecipadamente pela Secretaria Municipal de Saúde.

Sem delimitação de público, a orientação da Prefeitura é que cada local receba pessoas conforme a capacidade. Além disso, o Executivo ampliou a quantidade de público em academias, bares, cinemas, circos, clubes recreativos, celebrações religiosas e competições esportivas, restaurantes e shoppings centers. Leia o decreto completo aqui.

“Com o avanço da vacinação das duas doses no nosso município, em alguns casos, três doses, aos poucos vamos retomando as nossas atividades diárias e coletivas”, comenta o prefeito de Goiânia, Rogério Cruz.

Decreto publicado no final de setembro alcançava estabelecimentos de ensino e boates, quando a Prefeitura liberou o funcionamento das casas de espetáculo e de artes cênicas, boates e congêneres, com ocupação de, no máximo, 50% do espaço, com a presença de até 500 pessoas, respeitados os protocolos estabelecidos pela SMS.

Na ocasião, o Executivo também liberou estabelecimentos de ensino, públicos e privados, Infantil, Fundamental, Médio ou Superior, para aulas presenciais com distanciamento de um metro entre alunos e de dois metros entre professores e outros funcionários.