H.Stern apresenta a Coleção Íris

Uma incrível viagem ao fundo do mar levou a H.Stern à criação da nova Coleção ÍRIS. Fascinante imersão por águas profundas, esta jornada criativa resgata riquezas naturais que vêm dos Oceanos, assim como a beleza poética de Íris, na mitologia Grega. Diz o mito que Íris é a mensageira dos deuses, que se move com a leveza do vento de um lado para outro, nas profundezas dos oceanos. Filha de Taumante (filho do Mar) e de Electra (filha de Oceano), era considerada a personificação do arco-íris.
A pesquisa iniciada com a linha Mya Maris, lançada em maio, fascinou de tal forma a equipe de criação H.Stern que a joalheria apresenta agora uma nova série de 46 peças, fruto de um desejo de ir mais fundo nessa viagem. O ponto de partida foram os relatos da expedição H.M.S.Challenger, que teve início em 1873, e navegou por diferentes mares do mundo, coletando e catalogando belíssimos exemplares da vida aquática, incluindo centenas de conchas de variadas espécies. A minúcia de como a fauna marinha foi representada nos desenhos feitos à mão pela expedição levou a H.Stern ao desafio de reinterpretar em joias o que a vida marinha tem de mais delicado.
A beleza abstrata e a riqueza das formas; a suavidade dos movimentos, o sutil degradê de cores, texturas e brilho das conchas e animais marinhos são vistos em surpreendente simplicidade de formas. Minimalismo delicado traduzido em silhuetas femininas. Brincos, anéis e pendentes traduzem a beleza natural através de diferentes tons de ouro que passam pelo amarelo, Ouro Nobre e ouro rosé 18K, por vezes ganhando o brilho das pedras preciosas. Algumas peças retratam ainda a cor mais intensa do fundo dos oceanos através de um banho negro sobre o ouro.
O cuidado extremo na descrição anatômica da vida submarinha não está restrito ao que é imediatamente visível nas joias. A parte interna das peças é uma surpresa à parte e mostra o ponto alto do refinamento joalheiro! Diversas joias desta coleção ganharam forro interior especial, moldado e aplicado à mão, um a um. Com cores distintas da superfície externa, resgatam o extremo cuidado nos detalhes, típico das joias do período vitoriano, forte referência de estilo para a nova coleção.
Veja a seguir mais detalhes sobre cada uma das linhas de inspiração das joias ÍRIS.
Myriades – A palavra grega Myriades remete a quantidades abundantes, incontáveis, infinitas. Assim como o número e as espécies de conchas encontradas na Natureza. . Nesta linha, pequenas conchas de ouro em formas arredondadas e abauladas são unidas umas às outras dando vida a quatro pares de brincos vistosos, porém de inesperada leveza e movimento articulado. Simulam o agrupamento de uma miríade de conchas, criando um efeito visual surpreendente. A mistura de tons de ouro e os detalhes de diamantes transmitem a estética das conchas naturais.
Pompylius – Nautilus Pompylius é um molusco da família dos cefalópodes, a mesma do polvo, e também conhecido como Argonauta. Mas o Pompylius tem uma história muito especial! Segundo os antigos, deparar-se com um destes animais era presságio de uma sorte mais feliz. Motivo mais que perfeito para que este ser de beleza intrigante e movimentos suaves desse origem a uma linha de joias H.Stern.
Shelter – De aparência exótica e desafiadora, a carapaça do Ouriço do Mar protege um ser na verdade bastante frágil. Inspirados neste abrigo (Shelter em inglês) que esconde um ser marinho, surgem anéis e brincos em tamanhos variados, formados por pequeninas bolas de ouro soldadas a laser, uma a uma, com espaços calculadamente assimétricos para garantir a forma orgânica.

Tellina – Tellinas são conchas de formas alongadas e irregularmente ovaladas, com tons que variam entre o rosado e um leve dourado. Têm casca exterior lisa marcada por delicados desenhos que revelam suas linhas de crescimento. Estas formas levaram à criação de brincos leves e alongados, formados por uma seqüência de molduras vazadas de ouro rosé unidas por um barrete de Ouro Nobre com diamantes dispostos de forma linear na parte superior, compondo um pêndulo para adornar os lóbulos. Os brincos têm acabamento fosco por fora e polido internamente e estão disponíveis em quatro tamanhos.

Deixe um comentário


Confira também