Mãos que valem ouro é tema da 41ª edição do SPFW

<p><img style="display: block; margin-left: auto; margin-right: auto;" src="https://revistazelo.com.br/public/backend/midias/tinymce/Casa%20-%20Decora%C3%A7%C3%A3o/spfw.jpg" alt="41&ordf; edi&ccedil;&atilde;o do SPFW" width="870" height="433" /></p>
<p style="text-align: justify;">A 41&ordf; edi&ccedil;&atilde;o do S&atilde;o Paulo Fashion Week acontece entre os dias 25 e 29 de abril de 2016, no Parque do Ibirapuera – Pavilh&atilde;o da Funda&ccedil;&atilde;o Bienal, com novos segmentos se associando &agrave; moda e celebrando a chegada de novas marcas ao calend&aacute;rio, do beachwear &agrave; moda masculina.</p>
<p style="text-align: justify;">Na temporada em que o evento assume sua cren&ccedil;a na independ&ecirc;ncia da moda em rela&ccedil;&atilde;o &agrave;s esta&ccedil;&otilde;es do ano, est&atilde;o previstas as estreias de A.Brand, &Agrave; La Gar&ccedil;onne, Amir Slama, Cotton Project, Murilo Lomas e Vix. A marca capixaba Amabilis, selecionada no projeto Top Five, realizado pelo IN-MOD em parceria com o SEBRAE tamb&eacute;m desfilar&aacute; nesta edi&ccedil;&atilde;o. Com o tema "M&atilde;os que valem ouro", o SPFW celebra a capacidade humana de se repensar, de colocar a m&atilde;o na massa, se reinventar e recome&ccedil;ar.</p>
<p style="text-align: justify;">Em meio a discuss&otilde;es globais sobre velocidade, universalidade e imediatismo das informa&ccedil;&otilde;es, resultado direto das novas m&iacute;dias e tecnologias dispon&iacute;veis, o SPFW sai mais uma vez na frente, como primeira semana de moda do mundo a anunciar o alinhamento de seu calend&aacute;rio com a chegada dos lan&ccedil;amentos ao varejo a partir de 2017. "Vivemos um per&iacute;odo de intensas transforma&ccedil;&otilde;es. Somos todos protagonistas de um novo ciclo que se inicia. Mais do que nunca temos a oportunidade de potencializar e compartilhar verdades, ess&ecirc;ncias, experi&ecirc;ncias," afirma Paulo Borges, diretor criativo do SPFW.</p>
<p style="text-align: justify;">"H&aacute; 21 anos o que nos uniu nessa cren&ccedil;a numa plataforma de comunica&ccedil;&atilde;o tendo a moda como elemento propulsor foi a possibilidade de fazer a diferen&ccedil;a e materializar transforma&ccedil;&otilde;es a partir de temas, a&ccedil;&otilde;es e discuss&otilde;es propostos a cada edi&ccedil;&atilde;o. O territ&oacute;rio da moda permite essa imers&atilde;o e provoca&ccedil;&atilde;o, e faz parte da nossa alma. Neste sentido sempre trouxemos quest&otilde;es pioneiras e desafiadoras&rdquo;, completa Paulo.</p>
<p style="text-align: justify;">O SPFW foi a primeira semana de moda do mundo a transmitir os desfiles ao vivo pela Internet e acreditar na for&ccedil;a das redes. A primeira semana de moda Carbon Free do mundo e primeira a abordar o tema do consumo&nbsp;consciente. &Eacute; a &uacute;nica a impor uma idade m&iacute;nima para desfilar no evento como forma de preservar a sa&uacute;de das modelos e a fomentar a diversidade &eacute;tnico-racial nas passarelas. Foi ainda parceiro de campanhas institucionais nas &aacute;reas de sa&uacute;de, cidadania, meio ambiente e inclus&atilde;o social. H&aacute; dois anos iniciou uma parceria com a ArteSol – Artesanato Solid&aacute;rio, refor&ccedil;ando ainda mais a sua cren&ccedil;a no valor da cultura brasileira e do patrim&ocirc;nio imaterial dos saberes e fazeres tradicionais dos artes&atilde;os brasileiros.</p>
<p style="text-align: justify;">Agora, com a discuss&atilde;o global sobre a necessidade de adequa&ccedil;&atilde;o do calend&aacute;rio de moda &agrave; realidade atual do consumidor cada vez mais ligado &agrave;s redes sociais e do mercado, o SPFW torna-se a primeira semana de moda a oficializar essa mudan&ccedil;a, aproximando o desfile do varejo e n&atilde;o usando mais a nomenclatura das esta&ccedil;&otilde;es. Da&iacute; a escolha por identificar a edi&ccedil;&atilde;o pelo n&uacute;mero, SPFW N41 em abril de 2016, desaparece da comunica&ccedil;&atilde;o oficial do evento o uso de "ver&atilde;o" ou "inverno".&nbsp;</p>
<p style="text-align: justify;">Reconhecido como um espa&ccedil;o de cria&ccedil;&atilde;o, sempre aberto a novas possibilidades, o evento consolidou-se como uma plataforma para que diversas marcas convivam e participem deste ambiente de inova&ccedil;&atilde;o. Esse posicionamento claro do SPFW demonstra seu comprometimento com a evolu&ccedil;&atilde;o e fortalecimento do mercado como um todo e tem atra&iacute;do novos segmentos e parceiros que compartilham desta mesma vis&atilde;o e que garantem uma cont&iacute;nua renova&ccedil;&atilde;o do evento. SPFW N41 contar&aacute; com 19 patrocinadores, al&eacute;m de parceiros institucionais e apoiadores.</p>
<p style="text-align: justify;"><strong>"M&atilde;os que valem ouro"</strong><br /> O tema desta edi&ccedil;&atilde;o discute a riqueza do fazer que materializa sonhos e ideias. "O ouro faz alus&atilde;o a tudo que &eacute; precioso e valioso. E o nosso fazer &eacute; precioso. Estamos em um momento &uacute;nico no pa&iacute;s, onde h&aacute; muitas d&uacute;vidas. &Eacute; hora de&nbsp;olhar&nbsp;para o futuro, colocar a m&atilde;o na massa e fazer acontecer", comenta Paulo Borges.</p>
<p style="text-align: justify;">Logo na entrada do evento, o p&uacute;blico &eacute; recebido por uma instala&ccedil;&atilde;o que remete diretamente ao tema do evento com a exposi&ccedil;&atilde;o de trabalhos artesanais de diversas regi&otilde;es do pa&iacute;s, com curadoria e dire&ccedil;&atilde;o art&iacute;stica da Artesol.</p>
<p style="text-align: justify;">A moda se alinha a movimentos de inova&ccedil;&atilde;o e criatividade, pr&oacute;prios de in&iacute;cio de s&eacute;culo, agu&ccedil;ando sentidos e libertando para experimentar o novo. As transforma&ccedil;&otilde;es que desejamos s&atilde;o feitas por aqueles que colocam "a m&atilde;o na massa". Se a criatividade nos diferencia, nossas m&atilde;os valem ouro. Ouro que est&aacute; na nossa forma&ccedil;&atilde;o, em nossa capacidade de transmutar e brilhar. SPFW N41 destaca o valor das m&atilde;os, dos processos criativos e da resili&ecirc;ncia impressa em nossa voca&ccedil;&atilde;o cultural.<br /> <br /> M&atilde;os que tecem bordam rendam tran&ccedil;am esculpem modelam<br /> M&atilde;os que amassam criam expressam transformam compartilham<br /> M&atilde;os que valem ouro&nbsp;<br /> <br /> Confira o calend&aacute;rio de desfiles:<br /> <br /> 25 – SEGUNDA-FEIRA&nbsp;<br /> Lilly Sarti 17h00<br /> Uma Raquel Davidowicz 18h00<br /> Amabilis – Projeto Top 5 19h00<br /> Apartamento 03 20h00<br /> Ronaldo Fraga 21h00<br /> <br /> 26 – TER&Ccedil;A-FEIRA&nbsp;<br /> Paula Raia 10h00<br /> Osklen 11h30<br /> Vix 12h30<br /> Lolitta 15h00<br /> Adriana Degreas 16h00<br /> A. Brand 17h00<br /> Juliana Jabour 19h00<br /> PatBo 20h00<br /> Karl Lagerfeld for Riachuelo 21h00<br /> <br /> 27 – QUARTA-FEIRA&nbsp;<br /> Vitorino Campos 10h00<br /> Reinaldo Louren&ccedil;o 12h00<br /> Isabela Capeto 15h00<br /> I&oacute;dice 16h00<br /> Lenny Niemeyer 17h00<br /> A La Gar&ccedil;onne 18h00<br /> Samuel Cirnansck 19h00<br /> Triya 20h00<br /> Ellus 2nd Floor 21h00<br /> <br /> 28 – QUINTA-FEIRA<br /> Patricia Viera 10h00<br /> Gloria Coelho 11h30<br /> &Aacute;gua de Coco por Liana Thomaz 15h30<br /> Jo&atilde;o Pimenta 17h00<br /> Salinas 18h00<br /> Murilo Lomas 19h00<br /> Amir Slama 20h00<br /> Helo Rocha 21h00<br /> <br /> 29 – SEXTA-FEIRA<br /> Lino Villaventura 11h00<br /> Wagner Kallieno 15h00<br /> GIG Couture 16h30<br /> Ratier 17h30<br /> Cotton Project 18h30<br /> Ellus 20h00&nbsp;<br /> </p>

Deixe um comentário


Confira também