Como escolher persianas e cortinas para o escritório?

Em ambientes corporativos, além de decorar, as persianas e cortinas precisam ser funcionais e apresentar qualidade técnica. Segundo a arquiteta Patrícia Coelho, do Ateliê Revestimentos, rede de lojas que comercializa produtos de alto padrão para arquitetura de interiores, na hora de escolher a persiana ou cortina para a empresa é preciso alinhar a estética com as necessidades de manutenção, iluminação, funcionalidade e controle de entrada de luminosidade.
De acordo com Patrícia, o modelo de cortina rolô é o mais procurado nas lojas do Ateliê Revestimentos para compor ambientes corporativos. “Esse modelo conta com uma grande variedade de tecidos e diferentes níveis de opacidade, texturas e cores. Além disso, são funcionais e decorativas e ocupam um espaço mínimo na janela”, explica.
Outra funcionalidade que deve ser levada em conta na hora da compra é o conforto visual e térmico que o produto proporciona. “É importante utilizar tecidos com alto índice de reflexão solar. Isso reflete diretamente na redução dos custos com o ar condicionado e na redução das emissões de CO2”, destaca.
Para empresas que optam por produtos ambientalmente corretos, Patrícia conta que já existe no mercado uma linha conhecida como tela verde, por se tratar de um produto isento de PVC, produzido conforme as normas da ISO 14001. “Trabalhamos com uma linha chamada EnviroScreen (Luxaflex) que possui certificações Oko-Tex e Greengard, e contribuem para a obtenção de pontos LEED, Green Star, Bream, entre outras classificações Green Building”, revela.

Deixe um comentário


Confira também