Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Páscoa: como harmonizar champagnes com pratos típicos da comemoração

Em mais uma data novamente marcada pelo distanciamento social, a Moët & Chandon te ajuda a manter o espírito de celebração
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

A Páscoa está chegando e com ela um momento de celebração marcado pela variedade de comidas tradicionais. Todos os anos, as famílias se reúnem para degustar um delicioso bacalhau e, claro, muitos ovos de chocolate. Em uma data novamente marcada pelo distanciamento social, a Moët & Chandon separou dicas de harmonização para manter o espírito de celebração e criar um momento especial durante o feriado, aproveitando um delicioso champagne com os sabores típicos da data.

O Moët & Chandon Brut Impérial é o par perfeito para harmonizar com o bacalhau. A tradicional receita, preparada com o peixe, batatas e nata é um prato mais suculento e cremoso e a bebida chega para contrastar estas nuances com sua potente acidez e a vivacidade macia das frutas cítricas.

Já para a sobremesa, o rótulo escolhido deve ser igualmente doce ou até mais doce que o chocolate – e nunca ácido, pois o chocolate pode elevar a acidez da bebida, e criar um paladar desagradável. Com isso, a sugestão é o Moët & Chandon Néctar Impérial, uma champagne demi sec decantada antes de servir, que diminui a acidez e, com isso, aumenta a doçura da bebida.

(Foto: Deleece Cook/Unsplash)