Goiânia vive o clima do Rally dos Sertões 2013

Os franceses Stephane Peterhansel e Jan Paul Cottret (Foto: divulgação)

O Rally dos Sertões dá a largada nesta quinta-feira (dia 25) para a sua 21ª edição. A cidade de Goiânia (GO), que completa 80 anos de fundação em 2013, será o palco da festa, recebendo o rali pela 11ª vez. A 1ª etapa do evento terá o Prólogo, a partir das 12 horas, e o Super Prime, às 16 horas, que vão definir a ordem de largada, na Arena Sertões, montada ao lado do Flamboyant Shopping Center.
Além das “super máquinas” que estarão na competição, as grandes estrelas do off road nacional e internacional desembarcaram na cidade, entre elas, os franceses Stephane Peterhansel e Jean-Paul Cottret, que tentam manter o título do Sertões entre os carros, o compatriota Cyril Despres, que vem lutar pelo tricampeonato nas motos, mas terá briga dura com o espanhol Marc Coma e os brasileiros da equipe Honda: Jean Azevedo, Dario Julio, Nielsem Bueno e os irmãos Guto e Ike Klaumann.
Nos quadris, o atual campeão Marcelo Medeiros, representando o Maranhão, terá como um dos principais rivais o polonês Rafal Sonik, o primeiro piloto estrangeiro a vencer o Sertões, em 2010. Já os UTVs, que estrearam como categoria experimental em 2012 e conquistaram os fãs de rali e competidores, também prometem briga acirrada, com Bruno Sperancini lutando pelo bicampeonato. Entre os caminhões, pilotos experientes e vencedores do rali, como Guido Salvini e Edu Piano, vão levantar poeira, mostrando toda a força destes “gigantes” do Sertões.

Jean Azevedo, uma das feras das motos (Foto: divulgação)

As disputas terão início na quinta-feira (25), com a realização do Prólogo (que define a ordem de largada do dia seguinte), a partir das 12 horas, bem como o Super Prime (um mata-mata entre os oito melhores do Prólogo para carros, quadris, UTV; entre os 16 melhores nas motos e os dois melhores nos caminhões), que terá início às 16 horas. Ainda neste dia, entre 18h30 e 19h30, os pilotos farão uma sessão de autógrafos no Shopping Flamboyant e, na Arena Sertões, haverá uma apresentação (Wheeling Moto Show) e a largada promocional.
O Rally dos Sertões 2013 será um dos mais difíceis da história, exigindo ao máximo dos pilotos, navegadores e suas máquinas. Serão 4.115 quilômetros de prova, sendo 2.488 quilômetros de trechos cronometrados. É uma das maiores porcentagens de especiais da história do rali.
Serão 10 etapas, passando por oito cidades em Goiás e Tocantins. A etapa maratona, na qual as máquinas não podem contar com auxílio externo, acontece no quinto dia, entre Porangatu e Natividade, no Tocantins. O dia mais longo do rali será na sétima etapa, em Palmas (TO), com 746 quilômetros totais (514 cronometrados); o mais curto será o primeiro, entre Goiânia e Pirenópolis, com 249 quilômetros (84 de especial). A chegada será dia 3 de agosto, também em Goiânia.

Deixe um comentário


Confira também