Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Brasília recebe o Taste Brasília Festival, maior festival gastronômico do mundo

O evento internacional acontece nos dias 27, 28, 29 de maio e 3, 4 e 5 de junho e reúne chefs renomados, os melhores restaurantes de Brasília, no Pontão do Lago Sul
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Foto: Divulgação

Os visitantes do Taste Brasília Festival vão conferir 13 restaurantes e 1 bar com opções gastronômicas variadas, que vão da cozinha clássica à contemporânea, da brasileira à internacional, trazendo culinárias como a peruana, a japonesa, a italiana. Restaurantes como Authoral, comandado pelo chef André Castro, um cozinheiro de muitas referências; Casa Baco, a celebrada pizzaria e tratoria moderna do chef Gil Guimarães; o clássico Dom Francisco, tendo à frente Francisco Ansiliero e suas filhas, famoso pelo bacalhau e pelas carnes; o Taypá, do eclético chef Marco Espinoza, o melhor peruano da cidade; os pratos cheios de sabor do Lago e do Bloco C, do chef Marcelo Petrarca.

A cozinha sírio-libanesa e a charcutaria artesanal estão muito bem representadas com o restaurante Lagash e Leo Hamu. Os irmãos Hamu têm uma tradição de longa data com a boa mesa. O Le Birosque traz a experiência do chef Luiz Trigo nas cozinhas de Londres e em grandes restaurantes de São Paulo: ele é autor de pratos deliciosos, como sua consagrada porchetta. No Olivae o público do Taste vai comprovar que o domínio das massas e das carnes é um traço essencial do trabalho de Agenor Maia, um chef que gosta de imprimir sua marca nas receitas.

Sakeyo de Cristiano Komiya carrega um sobrenome de tradição em Brasília. Seu pai, Ryozo Komiya, já era um aclamado chef da cidade, e Cristiano levou a bandeira adiante, com o NewKoto, referência gastronômica na capital, e com o Sakeyo, aberto em 2019 – o único izakaya (bar ao estilo japonês) de Brasília. Praticando a “cozinha de boteco” nipônica.

O restaurante Superquadra vai trazer defumados, grelhados na brasa, cortes sempre bem escolhidos: o repertório de Tonico Lichtsztejn é vasto e não à toa ele é tido como um dos mais talentosos assadores da capital.

Já o versátil e talentoso Thiago Amparo, do Ouriço, vem mostrando que o litoral não está tão longe assim de Brasília: seu restaurante tem sido considerado uma das melhores aberturas dos últimos tempos. Amparo atrai um grande público com seu talento para saborosas moquecas, bobós e outros pratos com ingredientes do mar.

Gastronomia social

No primeiro fim de semana o Taste na capital do país também vai contar com a participação do Cerrado no Prato – Instituto Cajuzinho com a chef e professora Ana Paula Jacques que participa dos principais movimentos de gastronomia de Brasília. Simon Lau, um dinamarquês apaixonado pela capital e pelo bioma do Cerrado, é o nome por trás do já lendário restaurante Aquavit. Ambos são integrantes do coletivo Cerrado no Prato e do Instituto Cajuzinho. Juntos, vão produzir um menu surpreendente, unindo a Dinamarca aos sabores cerratenses – e destacando produtos da comunidade kalunga, que também será beneficiada com o resultado da venda dos pratos.

No segundo fim de semana

Almería e Casa Almería vão apresentar uma visão eclética da cozinha mediterrânea, tratada de forma leve e apetitosa: assim são o já consagrado Almería e a novíssima Casa Almería. O restaurante comandado pela família Jabour, de longa história na gastronomia de Brasília, traz influência ibéricas, gregas, libanesas, italianas. E quem amarra tudo isso é a chef Luiza Jabour, com sólida formação na França. A cultura das tapas, a tradição das mezzés, a confeitaria clássica com toques atuais, todas essas influências entram no caldeirão da chef.