Um paraíso chamado Porto de Galinhas

Porto de Galinhas recebe anualmente mais de 720 mil visitantes em busca de lazer, descanso e diversão. O destino oferece praias paradisíacas, variada gastronomia, preservação ambiental, opções de hospedagem de alto padrão e os grandes passeios pelo Nordeste do país. Confira alguns motivos para conhecer seus encantos.

1- Praias
Porto de Galinhas é uma praia de areia branca e batida, com águas cristalinas e mornas, com temperatura média de 26º, ou seja, ideais para quem quer relaxar, namorar ou até mergulhar. A região é conhecida pelos famosos arrecifes que surgem durante a maré baixa e possibilitam passear de jangada pelas piscinas naturais, alimentar os peixes e mergulhar em suas águas transparentes. Também dispõe de outras seis praias em uma extensão de 18 km, onde se destacam Muro Alto, com 3 km e piscinas naturais formadas entre a areia e uma barreira natural de corais; Maracaípe, utilizada principalmente por surfistas que buscam pelas ondas de 2,5 metros de altura, além de ser procurada para a prática de vários esportes radicais como mergulho, surfe, kite surf, stand uppaddle e skate; e o Pontal do Maracaípe, indicado para caminhada, passeios de lancha, caiaque e de jangada para ver cavalos marinhos.

2 – O lugar
Localizada no município de Ipojuca, a 65 km de Recife, Porto de Galinhas soube utilizar da história triste para construir um dos cartões-postais mais procurados do Nordeste brasileiro. Hoje as galinhas enfeitam as ruas, hotéis, restaurantes e lojas de todo o balneário.Surgido após a abolição da escravatura no Brasil, o nome Porto de Galinhas foi dado por mercadores clandestinos que utilizavam a região para desembarcar navios carregados de negros escravizados e fugir da alta fiscalização no porto de Recife. Na época, esses navios eram cobertos com engradados de galinhas D’Angola, alimento preferido da corte portuguesa, e a senha secreta para avisar de sua chegada era “tem galinha nova no porto”, que significava que uma nova remessa deles havia chegado da África.
3 – Hotéis

Com uma ampla oferta hoteleira, o balneário conta com mais de 13 mil leitos para turistas em pousadas e hotéis de três, quatro e cinco estrelas. Atualmente 12 deles são integrantes da Associação dos Hotéis de Porto de Galinhas (AHPG), todos a beira da praia e próximos da rodovia que dá acesso à Vila de Porto de Galinhas, onde é possível passear pelas lojas típicas e visitar os melhores bares e restaurantes.
4 – Gastronomia
Porto de Galinhas tem diversas opções para quem busca experimentar a culinária local. Restaurantes e bares, para todos os bolsos e gostos, servem do tradicional caldinho de feijão a pratos refinados como avestruz. No cardápio também estão pizzas, carnes, massas, frutos do mar e sobremesas com frutas da região. Os pratos à base de frutos do mar dominam os restaurantes, com variedades de peixe frito na beira da praia a até uma sofisticada lagosta na manteiga. Na cozinha regional, também está presente a típica galinha em receitas fritas, assadas e cozidas.
5 – Passeios
A dica é começar pelo roteiro de Bugue, que permite conhecer de norte a sul a extensão das sete praias da região. Depois, a parada deve ser para visitar as piscinas naturais localizadas junto aos arrecifes. Durante o trajeto, a bordo das jangadas, é possível ver inúmeros peixes coloridos através das águas transparentes. O local também permite realizar o batismo de mergulho com snorkel, máscara, nadadeira e colete. Para os amantes da natureza, vale aproveitar o passeio de jangada do Pontal de Maracaípe ao mangue.

Deixe um comentário


Confira também