Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Festival Italiano de Nova Veneza terá mostra de cinema italiano

Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

Cena do filme "La mafia uccide solo d'estate", apresentado na mostra de cinema (Foto: Reprodução)

Agendado para os dias 7 a 10 de junho, o 14º Festival Italiano de Nova Veneza oferecerá uma mostra de cinema italiano com longas-metragens contemporâneos. Os títulos serão cedidos pela Embaixada Italiana no Brasil, que a partir dessa edição passa a ser apoiadora oficial do evento.

O anúncio foi feito pela chefe do departamento político e cultural da Embaixada da Itália no Brasil, Alessandra Crimi na última terça-feira (18), durante encontro com a presidente da Associação Veneziana Pró Festival Italiano (Afesti), Hermione Stival, e o vice-prefeito de Nova Veneza, Alessandro Stival, em Brasília.

Serão cinco filmes recém produzidos, todos legendados em português com entrada franca.  A exibição acontecerá no Centro Cultural Pedro Peixoto, o primeiro cinema da cidade, que foi restaurado e com reforma sendo concluída este mês.

“Queremos imprimir cada vez mais consistência cultural ao evento para que ele, inclusive, seja um estímulo para os próprios descendentes preservarem a herança de nossos antepassados. A mostra de cinema vem ao encontro de nossos objetivos”, ponderou Hermione Stival, que também é descendente de imigrantes italianos.

Entre os títulos estará Smetto quando voglio, de Sidney Sibilia; Fuocoammare , de Gianfranco Rosi; Qualcosa di nuovo , de Cristina Comencini; Viva la libertà , de Roberto Andò e La Mafia Uccide solo d’Estate, di PIF.

Outra contribuição da Embaixada para a cidade será o apoio ao ensino do italiano, que atualmente está sendo ministrado nas escolas municipais. O órgão irá disponibilizar materiais didáticos e cursos para professores. “O Festival Italiano de Nova Veneza nos impressionou por sua atratividade e pela história da cidade. Queremos contribuir para fortalecê-lo”, pontuou Alessandra.

Alessandro Stival e Hermione Stival, vice-prefeito de Nova Veneza e coordenadora do Festival Italiano de Nova Veneza, respectivamente, entre Alessandra Crimi e Chiara Gentile, da Embaixada da Itália (Foto: Raquel Pinho)