Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Circuito Tela Verde no FICA 2016

Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

Em parceria com o Ministério do Meio Ambiente, a Secima está exibindo filmes do Circuito Tela Verde para estudantes do Ensino Fundamental de escolas da Cidade de Goiás. A mostra faz parte da programação do Espaço Secima na 18ª edição do Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental (FICA), localizado no Quartel do XX.

Os curta-metragens, “Rodeio: de que lado você está?’’, “Naturalmente ambiental’’, “Espelho d’Água” e “Você conhece o cerrado?” fazem parte de uma seleção nacional de vídeos ambientais.

De acordo com o jornalista Brenno Sarques, organizador da mostra do Circuito Tela Verde em Goiás, este é o 4ª ano que a Secretaria realiza a mostra durante o festival.

Conscientização

Antônio Veríssimo, indígena do Povo Apinajé, do extremo norte do Tocantins, assistiu aos filmes e declarou com tristeza, ao final da exibição, que quando ele esteve em Goiás, há mais de dez anos, o Rio Vermelho parecia mais cheio e mais limpo. Disse também que hoje viu na cidade uma grande quantidade de lixos e materiais recicláveis descartados de maneira indevida. “Nós não podemos esperar que o poder público limpe a sujeira. Nós consumidores precisamos reduzir o que consumos e descartar com mais responsabilidade. Precisamos repensar nossas atitudes em relação ao meio ambiente”, ponderou.

Programação

Nesta sexta-feira, o Espaço Secima apresenta o filme Transgenic Wars (França – 2015 –Direção: Paul Moreira), que trata sobre o uso de alimentos geneticamente modificados e suas consequências para os animais e o ser humano. A exibição será seguida de um debate sobre agricultura sustentável. E também apresenta o filme Lobo Solitário (Brasil – 2015 – Direção: Ranulfo Borges) que aborda o grave problema socioambiental dos resíduos sólidos e o papel do catador, assunto que tem sido amplamente discutido no estado de Goiás, com a implantação do Plano Estadual de Resíduos Sólidos.