EV1 Sport, atração da Voltz no Salão do Scooter

EV1 Sport
Fotos: Salão do Scooter – Urban Mobility Expo

O Voltz EV1 Sport será a atração principal do estande da fabricante, no Salão do Scooter, que será realizado no novo Distrito Anhembi (Antigo Pavilhão de Exposições Anhembi), entre os dias 13 e 16 de outubro. É um scooter elétrico, montado na fábrica instalada na Zona Franca de Manaus, com uma série de novidades que fazem dele um agradável meio de locomoção, ideal para percorrer roteiros pela facilidade de vencer os desafios do trânsito intenso dos grandes centros urbanos.

O EV1 Sport tem motor na roda traseira, com 3.000W de potência e três modos de condução. É equipado com uma ou duas baterias removíveis de lítio, com peso de 13 quilos cada, que podem ser carregadas acopladas à moto ou separadamente. O tempo de recarga da bateria é de até 5 horas, conectada a uma tomada comum de 110V ou 220V.

EV1 Sport

EV1 SportO EV1 Sport possui painel digital completo de fácil visualização dos instrumentos, como velocidade, nível de carga das baterias, função trip, modo de pilotagem e quilometragem percorrida, o que acentua o padrão de conforto e segurança do condutor. Conta ainda com sistema de alto-falantes que podem ser conectados ao celular via Bluetooth.

EV1 Sport

Voltz

A Voltz é uma empresa brasileira de tecnologia atuante na área de mobilidade elétrica. Criada em 2017, vem crescendo desde então. A primeira moto elétrica da marca lançada foi a EV1, em novembro de 2019 e, em apenas um ano no mercado, vendeu 1.600 unidades.

Em 2020, a Voltz lançou a EVS, modelo street, que também alcançou grande sucesso de mercado, com mais de 2.000 unidades vendidas.

Em maio de 2021, a empresa recebeu um aporte de quase 100 milhões da Creditas, uma das principais fintechs de crédito do Brasil. O aporte forneceu o capital necessário para a instalação de uma fábrica em Manaus, a ampliação do número de lojas e a criação de uma rede de recarga de baterias.

As scooters e motos da Voltz são fabricadas em sua unidade em Manaus (AM) que tem capacidade para produzir até 15 mil veículos por mês. A empresa anunciou planos para expansão comercial até o final deste ano. Com lojas-conceito instaladas em São Paulo e Recife, a companhia quer estender sua presença para outras dez capitais: Belo Horizonte, Salvador, Fortaleza, Goiânia, Brasília, Rio de Janeiro, Curitiba, Porto Alegre, Vitória e Florianópolis.

Além disso, deve instalar no país outras 100 unidades “pop-up” — lojas menores comandadas por parceiros e instaladas em locais estratégicos. Somando com as que estão em operação, a ideia é chegar em dezembro com 140 franquias ativas.

Deixe um comentário


Confira também