Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Silestone e Dekton: o que você precisa saber para ter bancadas e superfícies bonitas e resistentes

Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
 bancadas e superfícies
Foto: Divulgação

Devido às características singulares e à alta performance desses materiais, arquitetos e designers frequentemente optam por Silestone e Dekton em seus projetos, principalmente para superfícies como bancadas, por exemplo. Ambos os materiais foram desenvolvidos pelo Grupo Cosentino, uma empresa espanhola que produz e distribui superfícíes inovadoras para o setor de arquitetura e design. Aqui, você vai saber o que você precisa para utilizar Silestone e Dekton da forma adequada.

Primeiramente, vamos tratar do Silestone, que é uma superficie composta por 93 a 94% de quartzo, e mais 7 a 6% de resina de poliéster e pigmentos. Suas principais vantagens são os 25 anos de garantia para bancadas por defeito de fabricação (mediante o registro feito no site silestone.com.br, com nota fiscal da marmoraria ou loja de aquisição); grande resistência a riscos, manchas e impactos, além de sua baixa permeabilidade. O Silestone apresenta três opções de texturas: Suede, Volcano (que tem a textura parecida com a casca da laranja) e Polido.

Há, ainda, o “Silestone N-Boost”, que é uma evolução do Silestone, com cor mais intensa, superfície mais brilhante, e que repele qualquer tipo de líquido.

Foto: Divulgação

Outras aplicações do Silestone, além das bancadas, incluem pisos (no máximo de 60 x 60 cm, com junta de 3 mm e com frisos de metal para descarregar a eletricidade estática), escadas, lavabos, platôs de ducha personalizados, revestimentos em geral e até mobiliario. Ou seja, é um produto muito versátil, com grande variedade de usos possíveis.

Obviamente, alguns cuidados são necessários, a fim de conservar a garantia do produto. O Silestone não tem resistência a choque térmico; então, não se pode colocar panelas quentes sobre ele, pois isso acarrreta a perda da garantia. Também é melhor não colocar o Silestone em exposição ao sol.

Foto: Dilvulgação

A resistência do Silestone a ácidos é de, no máximo, 12 horas, e produtos altamente alcalinos, como limpa-fornos, também danificam o Silestone, configurando mau uso e provocando a perda da garantia. Por conta do seu coeficiente de dilatação, para a instalação de cooktops em bancadas, os cortes devem ser feitos com os cantos arredondados.

Já o Dekton é uma sofisticada mistura de mais de 20 mineirais extraídos da natureza, através de um processo tecnológico chamado TSP (Tecnologia de Sintetização de Partículas), que reproduz, em algumas horas, o que a natureza levaria milênios para fazer. Vem com 50 opções de cores e em diferentes espessuras (4, 8, 12, 20 e 30 mm). Se utilizado em pisos, virá nas seguintes medidas-padrão: 1,40 x 1,40 m, 1,40 x 0,70 m, 0,70 x 0,70 m e 1,40 x 3,20 m.

As vantagens mais relevantes desse material são as seguintes: rresistência a riscos e a manchas; baixa absorção de água; máxima resistência ao fogo e ao calor.

É importante, contudo, observar algumas normas: para a instalação de bancadas de espessura de 12 mm, são exigidos reforços (apoios logitudinais, tranversais e verticais) de Dekton ou de granito. As chapas de 20 mm não necessitam de tais apoios. Há também algumas medidas de corte para cubas e cooktops, com as distâncias mínimas exigidas. Cubas em Dekton também precisam ter os cantos arredondados. Finalmente, por sua resistência a altas temperaturas, o Dekton é indicado inclusive para o revestimento de churrasqueiras, havendo a necessidade de que a estrutura seja feita em gesso acartonado. Outro detalhe é que só se cola Dekton com cola Epoxi (argamassa refratária não é utilizada).

Enfim, os dois materiais apresentam muitos benefícios, e tanto para Silestone quanto para Dekton, recomenda-se consultar o fabricante sobre os requisitos necessários para a manutenção da garantia, e sempre utilizar mão-de-obra qualificada. Com isso em mente, você terá superfícies bonitas e resistentes por muito, muito tempo!