Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Parqville Pinheiros prioriza trânsito de pedestres

Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

Na região metropolitana da Capital, o número de carros já supera o da população, fazendo com que pontos turísticos e de lazer sejam modificados para dar espaço aos veículos. Seguindo na contramão dessa realidade, o engenheiro Eduardo Oliveira idealizou um condomínio horizontal, projetado para favorecer às pessoas com segurança. Previsto para ser construído na região do setor Garavelo, em Aparecida de Goiânia, o Parqville Pinheiros tem pré-lançamento agendado para este sábado (24/09).

Eduardo explica que esses transtornos ao patrimônio público da cidade se deram porque a prioridade foi dada aos veículos automotores. ‘‘Enquanto as cidades são pensadas e ordenadas para atender os carros, ruas são cortadas à revelia para melhorar o trânsito de veículos”, comenta.

O projeto idealiza ruas sem cruzamento e saída, o que diminui o fluxo de carros. Lombofaixas e ruas sinuosas, que comprovadamente levam à diminuição da velocidade de veículos, também serão aplicadas ao Parqville Pinheiros. Aparelhos urbanos planejados como praças, pistas de caminhada e uma ciclovia com mais de 1500 metros contínuos também fazem parte do empreendimento. 

Para o engenheiro, a inspiração veio de conceitos aplicados em cidades do exterior. “Nos EUA e na Europa, a maior parte da população usa o transporte público porque tem qualidade, além do que o desenho urbano destas cidades foi projetado para priorizar os pedestres, não os veículos”, afirma.

Lombofaixas dão segurança e acessibilidade ao pedestre  (Foto: Divulgação)