VIAGEM - 13/06/2018

Três destinos imperdíveis para conhecer na Rússia durante a copa


A cidade de Moscou, capital da Rússia e sede principal da Copa do Mundo de 2018 (Foto: Divulgação)

Sede da Copa do Mundo deste ano, que já começa amanhã (14), a Rússia é um país com destinos fascinantes, que valem a pena ser visitados. Que tal aproveitar a estadia durante o evento e conhecer a encantadora cultura russa por meio dos principais pontos turísticos?

Selecionamos três locais incríveis que não podem ficar fora do seu roteiro de viagem. Confira!

Moscou

Catedral de São Basílio, em Moscou (Foto: Divulgação)

Centro principal da Copa, que sediará a abertura e a final do torneio, Moscou é mundialmente conhecida pela bela arquitetura e pelos marcos históricos, como o Kremlin (cidadela real), um complexo fortificado no centro da capital russa, a Praça Vermelha, que separa a cidadela real do bairro histórico de Kitay-gorod e abriga a Catedral de São Basílio, e o Teatro Bolshoi, casa do melhor ballet do mundo.

São Petersburgo

Catedral de Sangue Derramado, em São Petersburgo (Foto: Divulgação)

Conhecida como a cidade que mais atrai turistas para o país, o local possui diversas atrações, como o Museu Hermitage, localizado às margens do rio Neva.  O local possui itens de praticamente todas as épocas, estilos e culturas da história russa, europeia, oriental e do norte da África. Não é à toa que ele é considerado um dos maiores museus do mundo. Além dele, vale a visita ao centro histórico, listado como Patrimônio da Humanidade pela UNESCO, onde se encontra a Fortaleza de Pedro e Paulo, a Catedral de São Isaac e a Igreja do Sangue Derramado, construções incríveis e que não podem ficar de fora do roteiro.

Volgogrado

Monumento Mãe Pátria, em Volgogrado (Foto: Divulgação)

Conhecida como antiga Stalingrado, a cidade, que é conhecida como a mais soviética da Rússia, tem muita importância histórica. Ela foi construída como um forte às margens do rio Volga e é rica em monumentos e museus. Por lá, vale conhecer o monumento Mãe Pátria, feito em comemoração à Batalha de Stalingrado, que foi o ponto de virada da segunda guerra mundial na frente ocidental, marcando o limite da expansão alemã, e o Canal Volga-Don, que liga o rio Volga com o rio Don e possui mais de 100 km de extensão.

Veja também