CASA - 20/09/2016

Integração requintada

Apartamento projetado pelo arquiteto César Neto agrega sofisticação e funcionalidade



Amanda Damasceno

Com o objetivo de unir os gostos dos moradores e garantir elegância, o arquiteto César Neto foi o encarregado de dar cara ao apartamento de 330 metros quadrados, em frente ao Zoológico, no Setor Oeste. Prezando pela funcionalidade e integração entre ambientes sem esquecer da beleza, o profissional conseguiu fazer do local uma casa que valorizasse o convívio familiar.

Prova disso é a varanda. Com uma ilha que inclui bancada, aparelhagem para bebidas – chopeira, cervejeira – e um balcão com cadeiras altas que desce para uma mesa, o ambiente, que poderia ser utilizado apenas em momentos de lazer, se tornou um dos espaços preferidos da casa. É lá que a família toma café da manhã, por exemplo. Afinal de contas, como ficar na cozinha quando se tem uma vista dessas?

Na varanda, móvel desenhado pelo arquiteto, que inclui bancada, balcão e mesa, tornou-se lugar preferido da família

As preferências dos moradores estão refletidas em todo o apartamento: das cores clássicas à iluminação, totalmente indireta e dimerizável. O móvel do home theater é outro ponto que mostra a preocupação com os detalhes. “Para não chamar mais atenção que a parede revestida de pedra-ferro, o acabamento do móvel foi feito em laca fosca e, para evitar arranhões, foi coberto com um vidro escuro”, explica o arquiteto.

No home, a parede revestida de pedra-ferro imprime aconchego e elegância

Para atender às exigências da família, foram utilizados sistemas como o tandembox, que garante que os armários da cozinha não batam mesmo que sejam empurrados com muita força, o que evita acidentes. Os basculantes também foram trabalhados nessa lógica. Ao menor toque, eles se fecham e abrem, diminuindo esforços e prolongando a vida dos móveis.

A torre de fornos na posição vertical deixa a cozinha mais funcional

Em todo o apartamento, os armários executados pela Maxim’s retratam o bom gosto presente nos ambientes. Com acabamento em laca – fosca ou brilhante, de acordo com o espaço –, os móveis garantiram ainda mais funcionalidade, criando um lar com bastante conforto e sofisticação para a família.

Arquiteto César Neto

 

Matéria publicada na 36ª edição da revista Zelo

Veja também