VIAGEM - 10/09/2019

Cinco cidades inspiradas na história do Brasil para conhecer

Na semana da Independência do Brasil, que tal se programar para visitar alguns pontos históricos?


Pão de Açúcar (Foto: Nuno Lopes/Pixabay)

Mesmo que o feriado de 07 de setembro, este ano, não tenha sido prolongado, você ainda pode celebrar a Independência do Brasil com estilo. Que tal selecionar alguns destinos para relembrar o momento histórico? Abaixo você confere cinco lugares, selecionados pelo ViajaNet, perfeitos para celebrar nossa trajetória como país. Confira!

Porto Seguro

Foto: Reprodução/SauloVieiraArquiteto/Pixabay

Um dos destinos mais importantes, quando o objetivo é conhecer in loco a história do Brasil, é a Costa do Descobrimento, no Sul da Bahia. Famosa principalmente por suas praias e paisagens naturais, é o local onde ocorreu o primeiro encontro entre portugueses e índios, reservando um grande conjunto de atrativos históricos relacionados a esse fato, como uma réplica da Nau Capitânia e a enseada da Coroa Vermelha, tida como o ponto exato de desembarque das Caravelas vindas de Portugal em 1500.

A região é habitada também por povos indígenas nativos, o que a torna um chamariz para turistas do mundo inteiro.

Salvador

Pelourinho (Foto: Reprodução/soel84/Pixabay

A cidade foi capital do Brasil e abriga marcos importantíssimos em seu Centro Histórico. Lá estão construções da época da colonização portuguesa, com inegáveis valores arquitetônicos e culturais, como o Pelourinho. Outros pontos de interesse turístico são o Elevador Lacerda, que liga a Cidade Alta à Cidade Baixa e se destaca na paisagem e o Mercado Modelo, antigo ponto onde se comercializavam escravos e hoje se pode adquirir souvenirs, e o Farol da Barra, construído no final do século XVII, junto ao Forte de Santo Antônio da Barra.

Ouro Preto

Foto: Reprodução/Pixabay

O local, antigamente chamado de Vila Rica de Ouro Preto por conta de sua imensa produção aurífera, foi berço da Inconfidência Mineira, que tem Tiradentes como o seu maior ícone e foi decisivo para a declaração da independência do Brasil. As suas ruas de pedra bem conservadas e suas muitas construções barrocas, dentre elas várias igrejas repletas de ornamentos em ouro, dão ao turista a sensação de viajar no tempo e fazem com que se compreenda melhor esse período. Para completar essa sensação, o viajante pode se aventurar um uma visita guiada pelas minas de Chico Rei.

Rio de Janeiro

Foto: Reprodução/David Mark/Pixabay

E, quando se trata de turismo histórico, o Rio de Janeiro tem muita a oferecer. A cidade foi a capital do país entre 1763 e 1961 e, como se não bastasse, é a única cidade das Américas que foi capital de um país europeu. De fato, temendo a invasão dos exércitos de Napoleão, o imperador D. João VI transferiu a capital portuguesa para lá, desembarcando ali em 1808 com toda a família real.

O centro da cidade reúne diversas construções do período, incluindo o Real Gabinete Português de Leitura e o Paço Imperial. Em relação à história mais recente do país, a cidade abriga o Monumento aos Pracinhas, no Aterro do Flamengo, construído em homenagem aos soldados brasileiros mortos na Segunda Guerra Mundial e, perto dali o Palácio do Catete, onde o presidente Getúlio Vargas se suicidou.

São Paulo

Foto: Reprodução/Marcos Marcos Mark/Pixabay

Embora normalmente relacionada ao turismo de negócios ou aos seus restaurantes e à sua vida noturna efervescente, não se pode esquecer que foi em São Paulo, mais precisamente às margens do Rio Ipiranga, que o famoso grito da independência foi dado pelo imperador D. Pedro I, em 1822.

Ali está o que talvez seja o mais emblemático dos monumentos relacionados à independência do Brasil: o Museu do Ipiranga. Embora atualmente o museu esteja fechado para visitação pública, conhecer Parque da Independência, localizado diante do suntuoso palácio que abriga o museu, faz com que o turista perceba a dimensão de tudo o que aconteceu há quase 200 anos.

Veja também