CASA - 25/05/2016

Bem-estar corporativo

Sinergia e integração norteiam o projeto Sala de Imprensa, assinado por Rose Campos Vaz



Alice Galvão

Sala de imprensa criada pela arquiteta Rose Vaz mistura texturas e cores em um desenho limpo, marcante e multifuncional. (Foto: Geovanna Cristina)

Quem foi que disse que não dá para humanizar e dar conforto à rotina de uma redação? Tudo bem que o trabalho jornalístico seja corrido, mas foi-se o tempo em que este ambiente era sinônimo de pizza fria, refrigerante quente e muito tumulto.

Pensando no diálogo entre trabalho e estar, a arquiteta Rose Campos Vaz elaborou uma proposta funcional, humanizada e cheia de sofisticação para a Sala de Imprensa da Mostra Olhar Consciente. Em um ambiente de 80 metros quadrados, foram criados espaços que se complementam graças à escolha dos revestimentos, cores e objetos de decoração.

Apesar de predominar a iluminação focal, o ambiente valoriza duas luminárias italianas by Karim Rashid. Destaque também para as arandelas, que emolduram o revestimento geométrico em alto relevo instalado em uma das paredes, dando efeito de volumetria.

À direita fica um estar para a realização de entrevistas, com poltronas e tapete. “O espaço ficou posicionado de forma que quem entra na mostra pode circular tranquilamente sem incomodar a equipe de reportagem e o entrevistado”, descreve Rose.

Já ao lado fica o espaço gourmet. “Esta parte serve tanto como uma copa de apoio como para a recepção de clientes e convidados”, explica a profissional, que também é designer de interiores. Atrás do balcão, uma parede púrpura chama a atenção. “Esta é a minha cor para 2016”, revela a profissional, que inovou ao instalar um cobogó (painel cimentício vazado com formas geométricas) na cor branca, que serve como base para o balcão de serviço, além de uma parede à frente, que recebeu iluminação embutida com tubulares de led, criando um interessante efeito de luz e sombra.

Como não poderia deixar de ser, o projeto também é composto por uma redação, com estações de trabalho, pontos de energia e acesso wi-fi, além de uma sala de estar para conversas informais e convivência.

Arquiteta Rose Vaz (Foto: Ângela Motta)

 

Matéria publicada 35ª edição da Revista Zelo

Veja também